Vytautas (Vitoldo ou Witold) é uma grande figura histórica da Lituânia. Representa ao mesmo tempo a lituanidade e a oposição à ocupação estrangeira. Durante o período de ocupação soviética, quando as estátuas de Lênin existiam às dezenas por toda a Lituânia, havia somente duas estátuas de Vytautas, pois os soviéticos tinham consciência tanto da importância dos monumentos para a criação de valores, como do perigo que os valores de Vytautas representavam contra a ocupação russa.

Vytautas

Mas em 1382, a situação de Vytautas estava longe de ser heróica: aprisionado por Jogaila juntamente com seu pai Kestutis, aparentemente o destino dele estava fadado a ser o mesmo de seu pai, que foi encontrado morto em sua cela no castelo de Kreve.Segundo crônicas da época, a fuga de Vytautas seria digna de um filme de aventura. Aprisionado juntamente com sua esposa Ana e visitados freqüentemente por duas damas de companhia, elas deveriam ajudar a grã-duquesa a se deitar. Vytautas trocou de roupas com uma das empregadas e saiu da prisão sem que ninguém percebesse. Ao fugir, Vytautas pediu ajuda para os seus antigos inimigos, os cavaleiros teutônicos. Aparentemente todos estavam blefando: Vytautas esperava se fortalecer o suficiente para se opor a Jogaila e depois à própria ordem e os cavaleiros teutônicos esperavam semear a discórdia entre os lituanos.

Inicialmente, Vytautas e Jogaila ficaram em lados opostos. Mas a partir de 1385, eles passaram para o mesmo lado, dividindo o poder de uma forma semelhante a aquela que seus pais haviam feito, até que um convite de casamento inesperado foi feito a Jogaila...

Jogaila é o personagem histórico lituano que acabou se tornando a antítese de Vytautas. Sua ambição o teria levado a unir os lituanos com a Polônia. Quando Jogaila acabou aceitando se casar com a princesa herdeira do trono polonês, Jadvyga, isso fez com que os lituanos se inclinassem finalmente em direção à Igreja Católica (pré-requisito para que ele fosse aceito no trono polonês). Como presente de casamento, ele trazia para junto da Polônia uma Lituânia que era na época um dos mais extensos principados da Europa. Se não bastasse a Lituânia entrar em posição de inferioridade, já que não era um reino, mas um grão-ducado, algo pior estaria por vir e a partir daí se iniciou um rápido processo de polonização da nobreza lituana. A nobreza polonesa chegou a presentear os fidalgos lituanos com seus brasões familiares.

Jogaila ir Jadviga

Falar polonês passou a ser sofisticado e os nobres lituanos polonizavam seus sobrenomes: falar lituano e manter as antigas tradições foi se tornando, pouco a pouco, coisa de camponês

Após assumir o posto que pertenceu a seu pai, Vytautas procurou se consolidar no poder. Colocou pessoas de sua confiança em pontos chave no grão-ducado e exigiu que os nobres lituanos fossem leais a ele. Mesmo se iniciando a gradativa aproximação política e cultural da nobreza lituana com a polonesa, Vytautas sempre manteve a noção de que Polônia e Lituânia formavam Estados unidos por interesses comuns, mas diferentes na sua organização, geografia e cultura. Do ponto de vista territorial, o grão-duque procurou garantir a consolidação e expansão do território da Lituânia a Leste e Oeste.

No Leste, a Lituânia, que dominava extensos territórios russos e ucranianos, passou a sofrer uma pressão cada vez maior do Principado de Moscou. Para se fortalecer, Vytautas se aproximou da Horda dos Tártaros, então um grupo poderoso que poderia tanto atacar a Lituânia, quanto protegê-la. Vytautas assinou acordos com este povo, sendo que alguns guerreiros até passaram a fazer parte de sua guarda pessoal. Vestígios deste povo ainda hoje são encontrados na cultura, arquitetura e religião de parte da população de Trakai, cidade onde se localizava um dos castelos que sediaram o poder de Vytautas no período.

No Oeste, ele procurou combater os cavaleiros teutônicos, retomar a Zemaitija (Samogítia - sua terra natal e herança por direito) e enfraquecer ao máximo possível os cavaleiros alemães. Para isso, juntamente com seu primo Jogaila (Jagelão) e um exército multinacional formado por lituanos, poloneses e tchecos, atacou um grande exército teutônico, naquela que ficou conhecida como “a batalha de Grünwald” ou “batalha de Tanenberg”, de 1410. Nela ocorreu uma fragorosa derrota da Ordem, que nunca mais se recompôs: os germânicos deixaram de atacar a terra lituana por um período de 500 anos, algo que só voltou a ocorrer com a eclosão da Primeira Guerra Mundial.

Žalgiris

Nos anos que se seguiram, Vytautas continuou governando a Lituânia sob os preocupados olhos da nobreza polonesa, e o território por ele controlado se tornou extenso, do Mar Báltico ao Mar Negro. O grão-duque acalentava um sonho: ser coroado rei da Lituânia. Em 1430, já em avançada idade, foi feito um acordo com Jogaila, para que Vytautas pudesse ser coroado rei. A coroa foi enviada pelo imperador do Sacro Império Romano-Germânico, mas nunca chegou à cerimônia de coroação: foi roubada antes de chegar lá pelos poloneses. Outra foi providenciada, mas Vytautas, já em avançada idade, não resistiu e veio a falecer ainda em 1430 (ele, aos 80 anos, caíra do cavalo).

Assim terminou a “Era Vytautas”. Este líder lituano, um dos maiores soberanos da Europa da Idade Média, levou a Lituânia ao seu auge, tanto na sua extensão, como no seu poder. Mas, como a palavra “auge” quer dizer, a partir daí se inicia a decadência do Estado lituano e o aumento da influência polonesa.

Comunidade

  • Parceiros +

    Parceiros Agradecemos aos empresários e prestadores de serviço lituanos abaixo que contribuem com a Comunidade Lituano-Brasileira. Esse apoio é fundamental Leia mais
  • Restituição da Cidadania da República da Lituania +

    As informações aqui contidas servem como guia não oficial de consulta para descendentes no processo de restituição da cidadania da Leia mais
  • Estude na Lituânia +

    Universidade de Tecnologia de Kaunas A Universidade de Tecnologia de Kaunas (KTU) é referência dos países bálticos, conhecida principalmente por Leia mais
  • Entidades Lituanas +

    Além da Comunidade Lituano-Brasileira, existem diversas outras entidades formadas por lituanos e descendentes no Brasil. Seguem abaixo mais informações sobre Leia mais
  • 1